Dom Bergoglio e Papa Francisco


Os católicos da Argentina tem ficado cada vez mais surpresos com a atuação hoje do seu antigo arcebispo Dom Bergoglio à frente do episcopado de Roma. Isso é o que tem dito a pessoas próximas um assessor de Pastoral da Juventude da Arquidiocese de Buenos Aires.

O empenho do papa em dar seguimento à reforma da cúria romana, mesmo com todas as pressões que sofre, e de se colocar ao lado dos pobres e de uma Igreja mais acolhedora às minorias, tem surpreendido quem se lembra de um cardeal que era de "pastoral mais moderada e de pouco envolvimento com as causas sociais e políticas".

Para esse assessor, a eleição de Bergoglio para pontífice em 2013 foi "uma surpresa seguida de uma verdadeira conversão".

Leia outras notas sobre o Papa

Comente com o Facebook:

Powered by Blogger